Quinta-feira, 28 de Maio de 2009
O Donut de Eros

Hoje, duas pessoas me chamaram "amor": a minha mais-que-tudo e a mulher que me vendeu um donut no café da Trindade.
Isso fez-me questionar acerca do verdadeiro sentido e conotação da palavra "amor", a sua deturpação, a sua repetição, a exaustão da sua musicalidade.
A mulher do café, feia que nem um bode, dá-me o donut a correr, eu agradeço e ela diz-me, numa despedida ao nível de um dramático filme romântico: «Adeus, amor».
Cheguei a questionar-me acerca da identidade daquela mulher. Será a minha verdadeira mãe? Será que, numa noite de bebedeira que já esqueci, me envolvi com aquela mulher e ela apaixonou-se pelos meus incríveis ossos? Não saberei.
A verdade é que a mulher disse "amor" com as mesmas quatro letras com que Camões a chorou, Shakespear a dramatizou para Romeu a gritar; a mulher disse "amor" com a mesma musicalidade com que Eros a criou.
Se este uso exaustivo da palavra "amor" se propaga, que significação terá quando eu a disser? (eu digo, quando eu a disser a alguém que me faz sentir feliz, e não a alguém que me compre um donut...).
Eu corro o risco de ainda ser vivo no dia em que alguém diz "amor" como forma de cumprimento.
Já ouvi dizer "amor" em troca de sexo. Mas em troca de um donut?...

 

 

(A imaginação é uma coisa tramada. Vai, vem, fica, muda-se, faz férias, dedica-se... Hoje, ausentou-se. Isto de escrever de forma diária é complicado, e por vezes o melhor mesmo é admiti-lo. Este texto tem já um ano de existência.)


tags:

por diogohoffbauermdias às 21:00
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

3 comentários:
De Teresa Hoffbauer a 28 de Maio de 2009 às 22:19
Que interessa! É um texto "geil", e além disso sabemos, que continuas vivo, Diogo!!!


De titi porca a 29 de Maio de 2009 às 20:25
hallo diogo!
wie geht es dir?
danke für den leckeren donut. ich verstehe zwar nicht alles was du schreibst, aber ich bemühe mich.
den cristiano magst du wohl nicht so gerne?!

ganz liebe grüße von deiner lieblings-tante ;)


De diogohoffbauermdias a 29 de Maio de 2009 às 23:29
Ich freue mich, dass du den Donut gemagt hast!
Ich finde Cristiano einen gute Spieler, aber er ist arrogant und glaubt, dass er besser als er wirklich ist ist.

Liebe Grüße!


Comentar post

↘Mais sobre mim
↘Pesquisar neste blog
 
↘Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


↘Posts recentes

Aviso

Partido, Largada, Fugida

Apertado

Reis da Selva

Saltou-lhe a tampa

A idade só pesa sobre os ...

Tal mãe, tal desconhecida

O Donut de Eros

Cabeça para cima, polegar...

Perfume de Muamba

Domingo pouco Desportivo

Os preguiçosos não se tor...

A saúde vem de autocarro ...

Ópios do povo, qual deles...

Um abraço neste Shopping ...

↘Despensa

Junho 2009

Maio 2009

↘tags

todas as tags

↘Links
blogs SAPO
↘subscrever feeds